Lançamentos musicais imperdíveis!

Essa semana foram lançados dois álbuns de artistas que eu gosto muito e não podia deixar de trazer pra vocês.

O primeiro lançamento é da banda Vanguart, que apesar de ter um bom tempo de existência, eu só conheci melhor em 2014, quando eles foram fazer um show em Dourados e eu fui conhecer as músicas pra não ficar ~perdidona~ na apresentação. Desde então segui ouvindo a banda, apesar de ter ficado um pouco de lado após minha mudança de cidade (que representou muitas outras mudanças na vida).

O álbum novo deles chama “Beijo Estranho”, e tem 11 faixas inéditas que já estão disponíveis no YouTube e em outras plataformas. Deixo a playlist do álbum pra quem já quiser conferir!

 

O outro lançamento é de um dos caras mais admiráveis do cenário musical brasileiro: Criolo. Eu nem tenho palavras para explicar o quanto esse cara é importante. Mas se tem uma palavra a dizer sobre ele é: recomendo!

Essa semana ele lançou “Espiral de Ilusão”, um álbum de sambas, inédito e incrível! Conhecido pela sua trajetória no rap, ele já apresentava grande proximidade com o samba e já era notado como um nome da MPB. Inclusive, no site dele tem uma revista contendo uma entrevista muito bacana com ele! O álbum também está disponível para download no site, e disponível no YouTube.

Espero que tenham gostado e aproveitem o fim de semana com muita música boa!

Se tiverem indicações de lançamentos deixem nos comentários que vou adorar saber ;)

Beijos!

Anúncios

Queridinhos de 2016 – Música

Olar gentem! Tudo certo?

Fim de ano chegou e como amante das listas que sou, resolvi fazer esse post com meus sons preferidos em 2016. Pretendo fazer listas de outras coisas, mas não prometo nada… rsrsrs!

Lembrando que essa lista não é necessariamente de músicos/álbuns lançados neste ano, mas sim daqueles que mais ouvi ou que mais me marcaram nesse ano lindo. E também quero dizer que não está em ordem de preferência, a ordem foi só conforme fui lembrando mesmo! Hahaha

Vamos lá:

Liniker (& Os Caramelows)

Essa lindeza apareceu na minha vida ano passado com a música mais grude: Zero. E permaneceu porque faz um som maravilhoso, e por ser uma pessoa lacradora destruidora de padrões de gênero!

Braza

Na verdade não lembro direito como descobri o Braza, mas só depois de já estar curtindo fiquei sabendo que é uma banda composta por integrantes do Forfun que já era uma banda que eu curto há um tempo. Esse é o tipo de som que faz a gente pensar, refletir sobre coisas muito além daquilo que vemos no cotidiano.

Nomade Orquestra

Indicação da Gringa (sempre manda bem nas dicas musicais!), ouvi muito pra preparar aulas, corrigir provas… Instrumental é muito bom pra atividades intelectuais, acho que porque não interfere nos pensamentos de uma forma ruim :)

Tássia Reis

Essa também foi recomendação da Gringa e pra ajudar tive o prazer de ver essa moça divar numa participação do show d’As Bahias e a Cozinha Mineira (gente, elas são incríveis, não estão na lista porque não escuto muito, mas recomendo que conheçam!). Super delicinha esse som!

Black Alien

Tive que deixar os dois álbuns porque ouvi muito os dois! Depois que o rap me conquistou sempre tem um som desse tipo nas minhas playlists, e é um dos sons que mais me faz pensar nas coisas. O Black Alien fala de questões sociais a espirituais, e tudo isso tem feito muito mais sentido pra mim ultimamente.

E vocês, o que ouviram bastante esse ano?

Aceito recomendações :D

Beijos!

Pra ouvir: BNegão & Seletores de Frequência

Um som com ALMA, com certeza!

Vocês devem se lembrar do BNegão como vocalista da Planet Hemp, mas após a saída do grupo ele já lançou três álbuns nesse projeto: Enxugando Gelo (2003), Sintoniza Lá (2012) e Transmutação (2015). E a boa notícia é que todos estão disponíveis para DOWNLOAD GRATUITO! Eles foram um dos primeiros artistas brasileiros a liberar músicas gratuitamente. Para baixar, é só acessar o site deles.

Bom, nem sei bem como falar desse som, porque é mais um lance de energia. É uma musicalidade incrível, com grandes doses de crítica social e uma boa pitada de dicas sobre coisas implícitas da vida que muitas vezes demoramos pra descobrir ou entender.

Foi difícil, mas escolhi uma música de cada álbum pra apresentar aqui. Recomendo que ouçam e vejam o que rola. Espero que sintonizem numa frequência POSITIVA ;)

(os álbuns completos também estão disponíveis no YouTube!)

Do Enxugando Gelo: O Processo – “Dentro das possibilidades, procurar a melhor opção
(o processo é lento), realidade não é sempre o que parece (o processo é lento).”

Do Sintoniza Lá: Sintoniza lá – “Se a hora é de chorar, se a emoção transbordou, deixa fluir, deixa extravasar, se a hora é de secar as lágrimas e seguir com a mente mais clara e arejada, é pra já!”

Do Transmutação: Giratória (Sua Direção) – “Procure a sua saída, encontre a sua vida eu disse, encontre, encontre, encontre sua própria direção!”

Pra ouvir: Liniker

Talvez você já tenho ouvido e visto Liniker por aí mas não está ligando o nome à pessoa.

Digo isso porque esse vídeo de Zero rolou bastante pelo Facebook um tempo atrás:

~Aquela que você vai se pegar cantarolando o tempo todo~

Lembrou? Se não viu antes, viu agora e deve ter sacado que esse som é bem bacana!

Liniker é o cantor, que com uma expressão de gênero voltada para o feminino cativa pela performance contagiante e voz marcante.

A banda não fica pra trás: super qualidade instrumental e as backing vocals poderosas e empoderadas!

Bom, eu poderia tecer elogios num post imenso, mas acho que vale mais a pena deixar os vídeos pra que vocês conheçam e tirem as próprias conclusões!

~Aquela que não deixa a gente ficar com o corpinho parado~

~Aquela que te deixa envolvidão~

A coisa mais legal de tudo isso é que eles vieram fazer um show no Sesc de Prudente e pude estar lá *-*

Aproveitei a oportunidade pra presentear Liniker com uma das minhas mandalas, como forma de agradecimento mesmo, principalmente porque Zero foi a trilha sonora de uns dias de muito amor com os amigos!

liniker

E gente, além de ser incrível no palco ele foi super simpático pessoalmente ♥

Só me resta desejar muito sucesso, paz e luz pro caminho dessa galera, pra que continuem esse trabalho lindo!

E aí, gostaram? Já conheciam?

Beijos!

Pra ouvir: Supercombo

Dica musical por aqui!

E a história com essa banda foi bem diferente… Primeiro vi um amigo postando algumas coisas dessa banda no Facebook mas nunca fui atrás de conhecer. Daí estava em alguma playlist do Spotify e tocou Amianto. A música ficou na minha cabeça e coloquei pra repetir. Me pego toda hora cantarolando!

Só depois que fiquei sabendo que eles participaram do Superstar (muita gente deve conhecer do programa, mas como eu não acompanhei realmente só conheci agora!). E acabei encontrando Piloto Automático pelas playlists da vida e curti bastante também.

E aí, já conheciam esse som?!

Espero que tenham gostado ;)

Beijos!

Pra ouvir: Banda do Mar

banda do mar

A Banda do Mar é composta por Mallu Magalhães, Marcelo Camelo e Fred Ferreira.

A primeira muitos devem lembrar do hit “Tchubaruba”, quando ela ainda era uma menina (mas particularmente já me chamava atenção, eu achava que ela desafiava muitos estereótipos e gostava do seu som). Com o disco “Pitanga” Mallu mostrou um lado mais maduro, mas com músicas ainda cheias daquelas nuances bem próprias de sua voz. Bom, sou suspeita pra falar porque gosto mesmo, mas na minha opinião ela dá um toque especial à essa banda, com certeza!

Marcelo Camelo é conhecido como vocalista da banda “Los Hermanos”. Confesso que por mais que soubesse da existência e até qualidade da banda, eu não acompanhava. Mas desde a música “Janta”, quando vi Marcelo e Mallu juntos, tinha certeza que dessa química sairia coisa boa!

Ah. não resisto, vou ter que colocar o vídeo:

Já o Fred é um português que já participava do convívio do casal desde que eles foram morar em Portugal e agora na banda contribui com a parte de percussão e bateria (ele também já participou de diversos outros projetos com música, mas não sei detalhes!).

Enfim, uma banda que nasceu da amizade e que transmite essa leveza e delícia de viver!

Confesso que tenho escutado o álbum completo quase que diariamente e ainda não consegui definir uma música preferida!

Parece que elas dançam entre os meus dias, e a cada momento curto mais uma ou outra. Muito bom isso! Há tempos não gostava tanto de um todo assim. Sabe ouvir um CD direto, sem ter vontade de pular nenhuma música?!

Aqui tem uma playlist com o álbum completo:

Espero que tirem um tempinho pra conhecer (ou ouvir mais uma vez se já conhece!) a Banda do Mar :)

Beijão!

Dance of Days sendo Dance of Days

Eu já tinha decidido tudo isso, e aí eles soltam essa música *-*

(Link para ouvir as músicas nos títulos!)

Eu Não Vou Mais Perder Tempo Tendo Medo De Não Ser Bom O Suficiente Pra Você
Vou te contar,  perdi tanto tempo  correndo atrás de mim mesmo e tentando ser perfeito  e isso cansa demais.
Sempre tem alguém pra te apontar algum defeito e com algo pra falar.
E é fato, as pessoas sabem de tudo e estão sempre mais certas.
Não enxergam que a solidão é o que nos faz tão mal.
Mas eu não vou mais ficar perto de quem tem sempre algo a falar tão terrível de alguém.
Eu não vou mais perder tempo tendo medo de não ser bom o suficiente pra você.
Tudo é tão brutal e também tão pequeno, “ser homem”, ser aceito, chegar sempre em primeiro.
E nada é natural, veio de alguém e foi socado em sua mente.
Isso machuca tanta gente e ninguém sabe explicar quando foi que começamos a ser tão amargos e a competir assim.
Sabe dizer?
Mas eu não vou mais ficar perto de quem tem sempre algo a falar tão terrível de alguém.
Eu não vou mais perder tempo tendo medo de não ser bom o suficiente pra você.

É tão mais fácil ser assim, apontar, julgar e falar do outro. Parece que pra isso já nascemos prontos.

Mas precisamos trilhar um longo caminho pra sermos capazes de compartilhar o bem.

“E nada é natural”, apenas achamos que é normal por ver que é isso que está rolando solto por aí.

E nos preocupamos em nos encaixar nessa merda toda, sem nos dar conta de que é em merda que estamos nos envolvendo.

Alguns podem ser capazes de enxergar de alguma forma quase mágica que o caminho que nos querem impor só faz mal.

Quero ser capaz de ver e de mudar, quero ajudar os outros a saberem que é possível. É POSSÍVEL!!!

E podemos começar não tentando ser perfeitos para alguém, não deixando vir só de fora o que nos faz feliz.

Olhar pra dentro. Se perguntar o que realmente faz sentido pra você, independente do que o mundo lá fora diz, do que seus pais dizem, do que seus amigos dizem, do que os professores dizem. Não, não é nada fácil. Temos MEDO. Eu tive tanto medo… Mas um pequeno passo pode abrir portas imensas. Dê um passinho que seja na direção do bem, na direção do amor, da compaixão, da bondade. Você vai ver que é tudo tão mais lindo e maior do que se imaginava. Você vai ver que vale a pena.

“E não maltrates teu coração…”

Tenho que compartilhar essa também… Tanta coisa importante nessa letra!

Seguir então é o mais importante.
E teu coração te conhece mais que qualquer pessoa.
A estrada não perdoa, mas também faz bem.
Que a vida é tão curta
 pra deixar viver pra lá e tudo pra depois.
O mundo é tão gigante e a estrada passa num instante pra perder assim.
Que nunca é tarde pra dizer “- Não!” e conseguir sentir um pouco “de viver e não só existir”.(Obrigado Oscar!)
Tanta gente que não presta te faz festa, e é tão covarde, tudo que mais te interessa vais deixando pra mais tarde.
Gosto da brisa antes da chuva, tem gosto de viver.
Gosto de estar num lugar calmo e ver amanhecer.
Gosto de sentir que o mundo é um lugar bom.
Gosto de ter gente por perto que não machuque e só me faça bem.
Essa gente esquisita
 que vê graça em desgraça 
não tem charme e não tem brilho nos olhos, só maldade.
Seguir então é o mais importante.
Em seu coração só o que te faz sentir que a vida é boa, que te faz sorrir a toa e querer calor.
Que a vida é tão curta pra levar tanto peso e o que faz tão mal.
Esquece essa gente, pega a estrada, segue em frente e agarra o amor.
E não maltrates teu coração.
Não te apagues distante.
Não, o desperdício faz mal a nossa alma irmã.
Somos tão parecidos.
Juntos somos céu, paixão e estrelas.
Pare pra respirar.
Que somos tão vivos, tão novos, tão cheios do que é bom.
E nessa estrada efêmera não podemos perder mais nada.

Eu nem sei explicar direito a minha relação com essa banda, com essas músicas que sempre fazem tanto sentido pra minha vida. A gente sempre acaba achando músicas que combinam com o momento, mas Dance of Days combina comigo desde meados de 2006 quando ouvi pela primeira vez. Enfim, espero que ao compartilhar isso com vocês algo de bom aconteça!

Beijos!

Pra ouvir: Projeto Studio62

Não, o Projeto Studio62 não é uma banda! É um projeto musical que convida diversos cantores e bandas para gravar acústicos, geralmente cheios de emoção e com muita voz e pouco instrumental.

O projeto solta os vídeos no YouTube, o que não nos deixa desculpas pra não conhecer! hehehe

O canal tem playlists por estilo musical (MPB, Rap, Rock), playlist só de covers e também por “temporada”.

Eu gosto de MUITA COISA, mas escolhi alguns dos meus preferidos para compartilhar com vocês *-*

Flora Matos com esse som gostosinho…

Ah, essa música *-* 

Pura emoção nessa belíssima interpretação de Negra Li

Só com o batuquinho na cadeira! Demais!

E aí, curtiram? Já conheciam o projeto? O que vocês mais gostaram por lá?

 

Beijos!

 

Pra ouvir: Vanguart

Ontem foi a melhor descoberta musical do ano (até agora…rs): Vanguart!

Estranho ser uma descoberta pra mim só agora, mas é que eu realmente só conhecia de ouvir falar, mas nunca tinha parado pra ouvir.

A banda de Cuiabá veio pela primeira vez à Dourados, para o encerramento da Mostra Audiovisual de Dourados, organizada pela UFGD e parceiros. O evento no geral foi muito bacana, e eu até gostaria de ter falado sobre ele aqui antes, mas meus dias andam agitados e corridos.

Mas voltemos ao Vanguart: antes do show só tive tempo de ouvir uma vez o álbum mais recente… mas após esse show já posso dizer que virei fã *-*
Eles conseguem transmitir emoções tão intensas, variadas e fazer um todo tão lindo! As atmosferas mudam, te envolvem (espero falar em breve sobre as atmosferas num post sobre teatro). Fora o imenso talento que fica claro ao vermos tantas vezes trocas de instrumentos, junção de habilidade e emoção!
E ainda por cima são simpatia pura! Ao final do show foram para o hall falar com os fãs, dar autógrafos e tirar fotos! Pude abraçar cada um deles e sentir um pouquinho mais da vibe positiva desse pessoal!

vanguart

Bom, minha música preferida até agora é essa aqui:

Daquelas que você apaixona e fica ouvindo repetidas vezes ao longo do dia, sabe?

Aqui tem o álbum “Muito Mais Que O Amor” completo:

 

Bom, acho que ficou bem claro o quanto essa experiência foi bacana pra mim (:

Mas quero saber de vocês, já conheciam a banda? Se não, espero que tirem um tempinho para conhecer!

Beijos!