Meus livros para 2017

Em geral eu não sou muito de ler livros completos. Sempre estou lendo capítulos, trechos, principalmente dos conteúdos teóricos relacionados ao temas das minhas aulas. Por ter essa “obrigação” de ler, muitas vezes a leitura não era aquilo que eu queria fazer nas horas de lazer.

Mas ano passado a coisa começou a mudar um pouco, pois me interessei bastante por temas voltados à espiritualidade, consciência, autoconhecimento. Esse interesse me fez ler, no ano passado, dois livros que gostei muito: Manual de Instruções da Ressonância Harmônica, de Hélio Couto e Saúde das Emoções, de Alírio de Cerqueira Filho.

Daí comecei o ano de 2017 ganhando o livro Mãos de Luz, de Barbara Ann Brennan do meu pai e também comprei mais alguns livros que vou contar com detalhes pra vocês!

Atenção plena em poucas palavras – Dra. Patrizia Collard

Um livro fofo, acho que seria a melhor definição. As ilustrações são lindas, o conteúdo é bem claro e objetivo e ele é pequenino, cabe  na palma da mão. Recheado de exercícios focados na prática da atenção plena, é um caminho para o autoconhecimento através dessas meditações rápidas que já representam um grande passo para quem tem dificuldades de se desligar da correria do cotidiano.

Um novo mundo: o despertar de uma nova consciência – Eckhart Tolle

O que dizer desse livro que mal conheço e já considero pakas? Eckhart Tolle já é muito conhecido pelo livro O poder do agora, mas confesso que lendo a descrição de ambos, me interessei mais por esse que comprei, deixando o famoso pra depois. Acho que foi uma boa escolha, pois estou adorando o livro, o conteúdo e a organização em capítulos pequenos (que nos permite ler em pequenas pausas na correria do dia) me conquistaram muito!

Mulheres, comida e Deus: uma estratégia inspiradora para quase tudo na vida – Geneen Roth

Olha, sinceramente eu li muito pouco desse livro pra poder emitir opiniões. Então vou contar o que me levou a pegá-lo na prateleira e trazer pra casa: na verdade foi bem por acaso que bati o olho nele numa prateleira que fui olhar pra desviar de uma pessoa que passava na livraria. Quando li esse título fez todo o sentido pensando no meu momento de vida: sou mulher, estou tentando entender e melhorar minha relação com a comida e com Deus/espiritualidade.

O livro da Sociologia – Coleção As grandes ideias de todos os tempos

Dessa vez esse foi o único livro escolhido por objetivos profissionais. Achei um livro bem dinâmico, com resumos interessantes de temas importantes na sociologia que posso inclusive usar para preparar aulas ou até mesmo propor leitura aos alunos. Encontrei temas já conhecidos e outros nem tanto, o que é bom! Gostei bastante do fato de ter fotos, quadros, esquemas… acho que facilita a compreensão de uma forma mais leve do que com texto extensos.

 

E aí, o que estão lendo nesse ano? Me contem nos comentários!

Beijos!

Anúncios

Transformando Sua Energia – Dicas para sair da negatividade

Esses dias passei por uma situação bem interessante que gostaria de compartilhar com vocês pois creio que isso possa ajudá-los a identificar situações parecidas e formas possíveis de atuar sobre elas.

Resumindo um pouco, acabei tendo que lidar com um ambiente que estava muito carregado de energias negativas, sentimentos ruins como tristeza, medo e insegurança pairavam por ali e isso acabou me afetando. Esse tipo de coisa é bem sutil, mas dessa vez eu consegui perceber claramente que eu estava absorvendo tudo isso e chegou a me fazer mal fisicamente: tive dor de cabeça, cansaço, sono e mal estar. Porém, nem sempre nessas situações conseguimos simplesmente sair dali e ficar bem. Então resolvi contar pra vocês o que fiz pra ficar melhor depois de praticamente um dia inteiro num ambiente pesado.

(Coincidência ou não, no dia seguinte encontrei esse texto numa página que sigo no Facebook e foi uma leitura bem interessante pro momento. Recomendo.)

Assim que consegui, voltei pra minha casa. Em casa provavelmente teremos um ambiente onde podemos ficar mais relaxados, sentirmo-nos seguros. Esse foi o primeiro passo. Logo que cheguei ainda estava muito mal e nem consegui fazer muita coisa, simplesmente deitei no sofá e liguei a tv. E olha, até que foi uma boa ideia, pois fui me distraindo e começando a relaxar. Quando já estava um pouco mais leve, fiz uma meditação simples e curta (cerca de 10 minutos). A meditação é uma técnica que conheci a pouco tempo e recomendo a todos! Pode parecer que é algo difícil, que exige muito, mas afirmo com certeza que é algo possível para TODOS! O importante é conhecer os seus limites, respeitá-los e não desistir.

(Dica: existem diversas meditações guiadas disponíveis no YouTube, em sites e aplicativos. Experimente!)

vipassana-997076_1280

Depois da meditação meu estado já tinha melhorado mais um pouco, mas ainda tinha alguma coisinha impregnada. Daí resolvi tomar um banho. O banho tem um significado de limpeza física que todos conhecem, mas também acredito no poder da água para uma limpeza também energética. E funciona mais ainda se realmente mentalizarmos durante o banho que tudo aquilo que havia de negativo em nós está indo embora pelo ralo. Nessa etapa realmente senti que eu estava “limpa”. Foi como se eu entrasse num estado neutro.

O estado neutro já era bem melhor que o negativo, mas eu realmente queria alterar meu estado para algo positivo. Dei uma lida em alguns livros que trazem mensagens ligadas à espiritualidade e então pensei que fazer algo que gosto me faria muito bem: parti para as mandalas. Peguei meu material de colorir, me acomodei confortavelmente e comecei a colorir. Também escolhi uma trilha sonora que sempre me faz bem e me deixa numa frequência positiva:

A música é super poderosa. Com certeza é uma dica que pode por si só ajudar a mudar sua frequência, ou pelo menos melhorar as coisas. Tente descobrir que tipo de música atua no seu humor e de qual forma, perceba que música te acalma, te anima, te faz sorrir… E lembre-se disso para poder usar a música à seu favor quando precisar dar aquela alterada num estado que não está te fazendo bem!

Bem, música e mandala, aí sim a positividade chegou!!!

Importante lembrar que nada aqui pretende servir como receita pra qualquer coisa. As pessoas são diferentes, as situações são diferentes, então não é possível dizer que algo funcione exatamente pra mim do mesmo jeito que funciona pra você. A ideia foi dar umas dicas e compartilhar a minha experiência. Então fica aberto o espaço pra quem tiver mais interesse nessa e em outras questões pra que troquemos umas “figurinhas”.

É um assunto meio novo por aqui. Vocês gostaram?

É muito importante pra mim ter um retorno de você sobre o conteúdo do blog, pra poder seguir sempre num caminho que seja legal pra mim e pra vocês!

Beijos!!!

 

Links Que Eu PRE-CI-SO Compartilhar #1

Links

Oi gente! Como estão?

Hoje me deparei com alguns links que achei realmente bons e resolvi compartilhar.

Dois deles tem relação direta: tratam de questões de gênero. Não sei se já falei aqui, mas trabalho bastante com essa temática no mestrado, em disciplinas, debates, cursos e até na minha própria pesquisa que é com mulheres assentadas rurais.

Enfim, sem tanta enrolação, vamos aos links e meus comentários sobre eles!

O machismo também mora nos detalhes – (Think) Olga é um blog totalmente recomendado pra quem se interessa pela temática de gênero #ficadica. Nesse post a abordagem de algumas questões que muitas vezes passam batidas nos desperta a atenção para como isso acontece no nosso cotidiano. Pra mim foi bem interessante até mesmo lembrar de ocasiões em que estas coisas aconteceram na minha família e na hora não me dei conta de como o aspecto de “ser mulher” influenciou a situação. Claro que a opressão e dominação podem acontecer em outros contextos, mas em muitos casos é sim relacionado ao gênero. Enfim, leiam independente do seu sexo, gênero, sexualidade, raça, preferência musical, pois é válido para reflexão de tod@s!

Estudo de Gênero: 6 razões pelas quais as Meninas Superpoderosas dão uma aula – Não sei se é da “época” de vocês, mas eu assistia e adorava as Meninas Superpoderosas! Acredito que mesmo não compreendendo tudo o que estaria “por trás” do desenho, essas contribuições foram úteis para uma desconstrução de papéis sociais, constituição de família, identidade de gênero, entre outras questões que vocês podem conferir no post do Hype Science.

Papo de Criança: 27 coisas no mínimo encantadoras – e hilárias- ditas pelos pequenos – Não é o primeiro post ou projeto que vejo tratar dessas “coisas de criança”, mas esse eu ainda não tinha visto e achei muito bom! É incrível essa naturalidade dos pequenos, né?

30 coisas que você deve começar a fazer para si mesmo – Gente, realmente são coisas que vale a pena fazer! Maaaaas, como nem tudo é um mar de rosas, tem coisas bem difíceis aí nessa lista. Coisas que envolvem desprendimento de velhas crenças, coragem, mudança de atitude… Enfim, algumas daquelas coisas que sabemos muito bem que são boas mas ainda não colocamos em prática. De toda forma, fica o post para nos lembrar disso mais uma vez e dar uns toques!

Bom, espero que gostem desse tipo de post (vejo muito em outros blogs, mas nunca tinha feito aqui!) e que gostem dos conteúdos que apareceram por aqui nesse primeiro Links Que Eu PRE-CI-SO Compartilhar :)

Beijão!

Vamos Falar Sobre: Benefícios da Leitura

beneficiosdaleitura

Segundo o Ministério da Educação (MEC) e outros órgãos ligados à Educação, a leitura:

Desenvolve o repertório: ler é um ato valioso para o nosso desenvolvimento pessoal e profissional. É uma forma de ter acesso às informações e, com elas, buscar melhorias para você e para o mundo.

Liga o senso crítico na tomada: livros, inclusive os romances, nos ajudam a entender o mundo e nós mesmos.

Amplia o nosso conhecimento geral: além de ser envolvente, a leitura expande nossas referências e nossa capacidade de comunicação.

Aumenta o vocabulário: graças aos livros, descobrimos novas palavras e novos usos para as que já conhecemos.

Estimula a criatividade: ler é fundamental para soltar a imaginação. Por meio dos livros, criamos lugares, personagens, histórias….

Emociona e causa impacto: quem já se sentiu triste (ou feliz) ao fim de um romance sabe o poder que um bom livro tem.

Muda sua vida: quem lê desde cedo está muito mais preparado para os estudos, para o trabalho e para a vida.

Facilita a escrita: ler é um hábito que se reflete no domínio da escrita. Ou seja, quem lê mais escreve melhor.

Fontehttp://educarparacrescer.abril.com.br/leitura/importancia-leitura-521213.shtml

Concordo com todos esses benefícios, e acho que o importante é vc se descobrir como leitor, descobrir o que vc curte ler, seja livros de ficção, livros acadêmicos, revistas, gibis, blogs… O bom é cultivar esse hábito pra seguir sempre aprendendo e refletindo!

Já que falamos em vocabulário, aqui tem um TESTE pra vc descobrir como está o seu. É rápido e interessante de fazer!

Eu fiz 22 pontos, o que indica um bom nível (:

Como vcs já devem saber eu me dedico bastante às leituras acadêmicas, e talvez por isso não leio muitas coisas além disso… É claro que adoro ler os blogs *-*

Mas outra coisa que acho que acrescenta muito ao nosso vocabulário são as MÚSICAS, que vira e mexe apresentam termos novos, desconhecidos, que acabamos indo atrás de saber o que significam e isso nos faz aprender!

O que vcs gostam de ler? Quais benefícios vcs conseguem identificar?

Beijos